|

Mark Schwab é o novo CEO da Star Alliance



São Paulo - 14 de dezembro de 2011 – O Conselho de Administração da Star Alliance nomeou Mark Schwab CEO (Chief Executive Officer) da maior aliança de companhias aéreas do mundo, com sede em Frankfurt, na Alemanha. Schwab era vice-presidente sênior da área de Alianças da United Airlines, companhia membro da Star Alliance. Anteriormente, o executivo também fez parte do Conselho de Administração da aliança. Ele assume o lugar de Jaan Albrecht, que foi indicado CEO da Austrian Airlines em novembro deste ano.

“Mark Schwab é um renomado executivo, reconhecido internacionalmente. Ele possui todas as qualificações necessárias para guiar nossa aliança em direção ao próximo capítulo de sua trajetória de sucesso”, afirma Rob Fyfe, diretor presidente da Air New Zealand e presidente do Conselho de Administração da Star Alliance. “Essa nomeação é resultado de um processo seletivo de abrangência mundial, que contou com concorrentes altamente capacitados. Mark conquistou o cargo por seu grande conhecimento do setor e sua longa experiência internacional. Ele já passou por várias posições de destaque em companhias aéreas ao redor do mundo e possui o conhecimento necessário para assumir essa posição desafiadora”, conclui Fyfe.


Mark Schwab, novo CEO da Star Alliance

Mark Schwab passou por diversos cargos em companhias como United Airlines, US Airways e American Airlines. Ele começou sua carreira na aviação em 1975, na Pan American World Airways, no Rio de Janeiro.

O executivo passou grande parte de sua carreira fora de seu país de origem, os Estados Unidos. Schwab também liderou empresas na América Latina, na Europa e na Ásia. Fluente em português e em espanhol, é graduado em Assuntos Latino-americanos na Universidade da Virginia, em Charlottesville (EUA).

Mark Schwab é casado e tem duas filhas.

A Star Alliance Services GmbH, baseada em Frankfurt, na Alemanha, é a sede da maior aliança de companhias aéreas do mundo, coordenando os projetos e as atividades das 28 empresas membro. O objetivo é facilitar a experiência de seus clientes internacionais que utilizam seus mais de 21 mil voos diários, assim como alcançar a sinergia por meio da capacidade individual de seus membros em uma escala global.


Sobre a Star Alliance:
A rede Star Alliance foi criada em 1997 como a primeira aliança de companhias aéreas verdadeiramente global a oferecer alcance mundial, reconhecimento e serviços integrados aos viajantes internacionais. Sua aceitação pelo mercado foi reconhecida por inúmeros prêmios, incluindo o “Air Transport World Market Leadership Award” e “Melhor Aliança de Companhia Aéreas” tanto pela revista Business Traveller quanto pela Skytrax. As companhias aéreas membros são: Adria Airways, Aegean Airlines, Air Canada, Air China, Air New Zealand, ANA, Asiana Airlines, Austrian, Blue1, British Midland International, Brussels Airlines, Continental Airlines, Croatia Airlines, EGYPTAIR, Ethiopian Airlines, LOT Polish Airlines, Lufthansa, Scandinavian Airlines, Singapore Airlines, South African Airways, Spanair, SWISS, TAM Linhas Aéreas, TAP Portugal, Turkish Airlines, THAI, United e US Airways. Avianca-TACA, Copa Airlines e Shenzhen Airlines foram anunciadas como futuros membros. Com uma frota de mais de 4 mil aeronaves, a rede Star Alliance oferece mais de 21.000 voos diários para 1.290 aeroportos em 189 países.


Fonte: Star Alliance










The Manhattan Reporter

Arquivo

Labels / marcadores